Unafisco - Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil
São Paulo, 21 de novembro de 2018 Hora Certa 10h17

ÁREA RESTRITAÁREA RESTRITA

esqueci minha senha

Notícias Jurídicas

Tamanho da Fonte    -A   A   +A
  • Compartilhe

  • Imprimir

15/07/2014 11:31:00

RAV Devida: Restituição do PSS sobre juros de mora


Comunicação


Divulgação

A Unafisco Nacional orienta os exequentes que já tenham recebido o precatório ou ofício requisitório referente ao processo da RAV Devida a solicitarem administrativamente a restituição dos valores retidos a título de PSS (contribuição previdenciária) sobre os juros de mora.

A Procuradoria da Fazenda Nacional por meio da nota 1.486/2013 emitiu orientação no sentido de que, em razão do recurso repetitivo — REsp 1.239.203/PR, os juros de mora sobre verbas pagas em cumprimento de decisão judicial não são incorporáveis aos vencimentos do servidor público, assim, não incide a contribuição previdenciária. Além disso, exarou os Pareceres PGFN/PGA/Nº 206/2009 e PGFN/PGA/Nº 2683/2008 que tratam da restituição da referida contribuição e seus prazos.

A Portaria Conjunta PGFN/RFB n° 1/2014 regulamenta o disposto nos §§ 4º, 5º e 7º do art. 19 da Lei nº 10.522/2002 (alterado pela Lei nº 12.844/2013), os quais preveem a vinculação da Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) às decisões judiciais desfavoráveis à Fazenda Nacional proferidas em Recursos Extraordinários com Repercussão Geral (STF) ou em Recursos Especiais Repetitivos (STJ), após expressa manifestação da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional (PGFN).

Destacamos ainda que a Unafisco Nacional obteve em favor de seus associados tutela antecipada nos autos do processo nº 29576-04.2013.401.3400, ora em trâmite perante a 2ª Vara Federal de Brasília/DF, que também veda a incidência de contribuição previdenciária sobre os juros moratórios.

Para efetuarem o pedido de restituição, os beneficiários deverão preencher o formulário Pedido de Restituição ou Ressarcimento, informando o número da ação judicial (97.00.02762-7) e juntando cópia do precatório/ofício requisitório, da planilha de cálculos do processo e do extrato fornecido pela instituição financeira quando do percebimento de valores, no qual está indicado o montante exato retido.

A Unafisco encaminhará a cada um dos beneficiários as planilhas de cálculo e cópia do precatório/ofício requisitório, via correio, para embasar o requerimento.

Informamos aqueles que ainda não tiverem o precatório inscrito que o patrono da execução irá requerer a não incidência do PSS sobre os juros moratórios.

A título de lembrete, a Unafisco Nacional propôs a execução de sentença para os Auditores Fiscais que atuaram como técnicos do Tesouro Nacional no período de junho/1993 a janeiro/1995.

A ação de conhecimento foi proposta pelo Sinddten, atual Sindireceita, e transitou em julgado favoravelmente, reconhecendo que o TTN deveria receber 30% da RAV atribuída ao Auditor Fiscal (RAV Devida ou RAV Calculada) e não 30% da RAV efetivamente paga.

Mais informações podem ser obtidas no Departamento Jurídico da Unafisco, pelo e-mail juridico@unafiscoassociacao.org.br ou telefone (11) 3228-4766, ramal 120.


ASSOCIE-SE À UNAFISCO NACIONAL
[X]

Valor da mensalidade da Unafisco
Para ativos e aposentados: R$ 91,45.
Para pensionistas: R$ 68,59.

Por gentileza, antes de continuar, responda à questão abaixo:

ALGUM ASSOCIADO O INDICOU PARA SE FILIAR À UNAFISCO?


SIM

NÃO

ASSOCIE-SE À UNAFISCO NACIONAL
[X]