Unafisco - Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil
São Paulo, 21 de novembro de 2018 Hora Certa 06h56

ÁREA RESTRITAÁREA RESTRITA

esqueci minha senha

Notícias Jurídicas

Tamanho da Fonte    -A   A   +A
  • Compartilhe

  • Imprimir

23/12/2016 11:34:00

Licença para tratamento de saúde: Unafisco Nacional propõe ação coletiva


Divulgação

A Unafisco Nacional informa os associados que, em cumprimento ao quanto aprovado na Assembleia-Geral Extraordinária realizada em 20/7/2016, propôs ação coletiva objetivando a declaração de inexistência de relação jurídica que obrigue os associados a sofrerem a incidência do Imposto de Renda sobre os valores recebidos a título de licença/auxílio para tratamento de saúde, reconhecendo o direito à isenção tributária nos termos do artigo 48 da Lei n.º 8.541, de 23 de dezembro de 1992.

Na ação judicial estamos requerendo também a restituição dos indébitos tributários, devidamente corrigidos pela taxa Selic, conforme legislação em vigor, desde 5 (cinco) anos antes do ajuizamento da ação (dezembro/2016) até a data da efetiva suspensão dos descontos.

O artigo 48 da Lei 8.541/92 estabelece que “ficam isentos do imposto de renda os rendimentos percebidos pelas pessoas físicas decorrentes de seguro-desemprego, auxílio-natalidade, auxílio-doença, auxílio-funeral e auxílio-acidente, pagos pela previdência oficial da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios e pelas entidades de previdência privada.” 

Os associados são regidos pelo Regime Próprio de Previdência Social e durante o período de afastamento (licença para tratamento de saúde) percebem valores que não têm natureza de remuneração e, consequentemente, nos termos do artigo 48 da Lei 8.541/92 não devem sofrer retenções de IRPF, em relação a tais valores.

Além disso, a Lei 9.717/98, em seu artigo 5º determina que os regimes próprios de previdência social dos servidores públicos da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, dos militares dos Estados e do Distrito Federal não poderão conceder benefícios distintos dos previstos no Regime Geral de Previdência Social, de que trata a Lei nº 8.213, de 24 de julho de 1991, salvo disposição em contrário da Constituição Federal.

Atualmente está pendente de apreciação o pedido de tutela provisória de urgência, formulado pela Unafisco Nacional na ação judicial coletiva.

 


ASSOCIE-SE À UNAFISCO NACIONAL
[X]

Valor da mensalidade da Unafisco
Para ativos e aposentados: R$ 91,45.
Para pensionistas: R$ 68,59.

Por gentileza, antes de continuar, responda à questão abaixo:

ALGUM ASSOCIADO O INDICOU PARA SE FILIAR À UNAFISCO?


SIM

NÃO

ASSOCIE-SE À UNAFISCO NACIONAL
[X]