Unafisco - Associação Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil
São Paulo, 21 de novembro de 2019 Hora Certa 01h50

ÁREA RESTRITAÁREA RESTRITA

esqueci minha senha

Notícias Jurídicas

Tamanho da Fonte    -A   A   +A
  • Compartilhe

  • Imprimir

25/10/2019 12:30:00

RPC: Liminar da Unafisco sobre o valor do Benefício Especial - Unafisco Nacional se reúne com o Cogep/RFB para tratar do cumprimento da ordem judicial



O presidente da Unafisco Nacional, Mauro Silva, o diretor de Assuntos Jurídicos, Carlos Rafael da Silva, e o advogado da entidade, Marcelo Bayeh, se reuniram com o coordenador-geral de Gestão de Pessoas da Receita Federal do Brasil (Cogep/RFB), Paulo Faria Marques e demais servidores do órgão, para tratar do cumprimento da liminar deferida, por unanimidade, pela 1ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (agravo de instrumento nº 1019181-72.2018.4.01.0000), que assegura aos associados que ainda não fizeram a opção de adesão ao Regime de Previdência Complementar (RPC) “fazer constar expressamente o exato valor do Benefício Especial calculado no momento da opção e, em relação aos servidores que já fizeram a opção, que se faça constar no termo de opção explicitamente o exato valor do Benefício Especial calculado no momento da opção."

O Auditor Fiscal Paulo Faria Marques informou que recebeu o ofício enviado pela Unafisco Nacional em setembro/19, com cópia da decisão judicial e rol de associados constantes da listagem inicial da ação e que não teria dado cumprimento a esta, por não ter recebido até o momento o parecer de força executória da Advocacia-Geral da União (AGU).

Os representantes da Unafisco Nacional destacaram que entendem que o caso em tela não se enquadra na hipótese prevista no artigo 4º do decreto 2.839/98 e, consequentemente, que a decisão judicial já deveria ter sido cumprida.

O coordenador-geral de Gestão de Pessoas da Receita Federal do Brasil informou que a liminar não é de difícil operação, que contataria o advogado da União responsável pelo acompanhamento da demanda para obter mais informações sobre o cumprimento e que, em paralelo, já verificaria quais são os associados que fizeram a migração para o RPC, para que pudesse fazer a apuração especial interna e fornecer a estes o valor do respectivo benefício especial, nos termos da decisão judicial.

Ainda, o Auditor Fiscal Paulo Faria Marques comprometeu-se a transmitir um novo posicionamento para a entidade até o início do mês de novembro/19 sobre o cumprimento e também sobre a forma pela qual os interessados terão ciência dos seus respectivos valores de benefício especial.

A Diretoria de Assuntos Jurídicos da Unafisco Nacional informa aos associados que continuará acompanhando de perto o cumprimento da decisão judicial em questão e posicionará os associados sobre as novidades do caso em tela e das eventuais medidas judicias que sejam adotadas, em caso de descumprimento. 

Esclarecemos que a ação judicial em questão beneficia aqueles que eram associados à entidade no momento da propositura da ação (18/5/18) e, para aqueles que se associaram após a referida data, a Diretoria de Assuntos Jurídicos da Unafisco Nacional avaliará a propositura de nova demanda no ano de 2020.

Por fim, informamos que a PEC paralela (133/2019) contem previsão, em seu artigo 14, para reabertura do prazo de migração para o RPC, pelo período de 6 meses, contados da publicação da emenda.

 

Clique aqui para consultar a listagem juntada ao processo.

Clique aqui para conferir a íntegra da decisão do TRF1.


ASSOCIE-SE À UNAFISCO NACIONAL
[X]

Valor da mensalidade da Unafisco
Para ativos e aposentados: R$ 95,56.
Para pensionistas: R$ 71,67.

Por gentileza, antes de continuar, responda à questão abaixo:

ALGUM ASSOCIADO O INDICOU PARA SE FILIAR À UNAFISCO?


SIM

NÃO

ASSOCIE-SE À UNAFISCO NACIONAL
[X]