A Unafisco Nacional participou, em 1º/12, de assembleia geral extraordinária remota do Fórum Nacional Permanente de Carreiras Típicas de Estado (Fonacate), do qual faz parte. Representou a Unafisco o presidente da entidade, Auditor Fiscal Mauro Silva.

Na reunião, as entidades avaliaram uma proposta de emenda substitutiva global à PEC 32/2020, da Reforma Administrativa. O texto está sendo elaborado pelo Fórum em conjunto com a Frente Parlamentar Mista em Defesa do Serviço Público.

As entidades ainda se preparam para participar dos debates da PEC 32 que devem iniciar no Congresso a partir de fevereiro de 2021, focando em temas que preocupam os servidores, como mudança na estabilidade, avaliação de desempenho e vínculos de experiência.

Outro assunto discutido na reunião foi a necessidade de as entidades do Fonacate mobilizarem suas bases para a campanha salarial de 2021, abrindo diálogo com o governo acerca do tema. De acordo com estudo apresentado pelo Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (Sinal), de janeiro de 2010 a janeiro de 2021 os servidores terão deixado de receber 19,9 salários, por causa da falta de reajuste inflacionário do período.

Ainda durante a assembleia do Fonacate foi aprovada a afiliação da Federação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (Fenadepol) ao Fórum, que passa a ter um quadro de 35 entidades afiliadas.

Com informações do Fonacate.